Jailton Dulcino Matoso
03/03/2021 | 14:31:51

Jailton Dulcino Matoso, 55 anos, casado, três filhos, natural de Jaboatão e residente em Camaragibe, Militar aposentado, escritor e corredor amador.
A corrida entrou na minha vida de forma mais ativa em meados de 2012, então com 46 anos. Com treinos leves na Praça de Camaragibe fui conhecendo outros corredores que me incentivaram a correr na rua e aumentar as distâncias percorridas. E depois que participei da primeira corrida oficial numa prova de 5K fiquei deslumbrado com a energia daquelas pessoas ali reunidas cada um no seu propósito pessoal e me dei conta que era um mundo que eu não queria mas deixar. E assim participei de várias provas na capital e no interior de Pernambuco, Natal e Paraiba numa variedade de provas de 05k, 10k, 21k e 03 maratonas(42,190).
Dessa paixão pela corrida, veio a necessidade de fortalecimento muscular, onde encontrei na Academia da Recife aulas de musculação e funcional que atendia minhas necessidades como atleta amador. Onde desde pouco tempo depois da Inauguração do polo Várzea eu estou e agradecidos a todos os professores que por lá passaram e o atual professor Orlando que com profissionalismo e direcionamento ao que preciso me sinto com a performance adequada a minha idade e ao esporte que pratico (corrida).
Procuro também estar com mente sadia e na escrita eu me completo com poesias e mensagens (ver @jmatoso.correversos), onde recentemente publiquei um despretensioso livro motivacional com frases poéticas para toda nação corredora (Livro Corre Versos). E claro somado a tudo isso uma alimentação adequada para quem pratica atletismo.